Arquivo da tag: multidisciplinar

what we do

Hub escola de inverno

Faremos um bate-papo no Hub Escola de Inverno http://www.hubescolacwb.com ou ainda http://www.hubescolacwb.com/home/participe

Atelier UM + D

Temos a felicidade de contar com mais um associado em nosso atelier.

Pedro Duschenes se associa ao Atelier UM o transformando em Atelier UM+D.

Agregando mais conhecimento e afirmando uma amizade previamente estabelecida.

Bem vindo.

Histórico da Família Duschenes na Arquitetura

Vindo da Alemanha durante os anos 40, Herbert Duschenes iniciou  sua prática em São Paulo de Arquiteto no escritório de Jean Pillon . Professor de História da Arte e Arquitetura na FAAP durante cerca de 30 anos, viajou para diversos países em cinco continentes,  realizando filmagens que depois utilizava em suas aulas.   Seu irmão, Rolf Duschenes , também arquiteto, estabeleceu prática no Canadá, associando-se ao escritório Ross & MacDonald posteriormente re-nomeado para Duschenes & Fish Architects, ainda hoje forte nome nas cidades de Motreal e Saint John.

O filho de Herbert, Ronaldo Duschenes, formou-se arquiteto pela FAU/USP em 1967, onde em seguida viria a lecionar. Nos anos 80, mudou-se para Curitiba onde consolidou sua orientação para o design de mobiliário e inaugurou, em 1985, juntamente com a também arquiteta Célia Lass,  a Flexiv, fábrica de móveis para escritório, empresa premiada por seu design e inovação.

Seguindo a tradição familiar, Pedro Duschenes, cursou Arquitetura na UFPR (Curitiba) e na TUM  (Munique) e em 2010 juntou-se à equipe do Atelier UM, fundado pelos arquitetos Gustavo Utrabo e Juliano Monteiro. Em 2011, Duschenes passa a integrar a sociedade do Atelier, criando assim, o Atelier UM+D.

Como entendemos nosso PROCESSO

Desde o começo de nossa prática buscamos estabelecer relações multidisciplinares, contudo inicialmente não sabíamos ao certo como elas ocorreriam, tínhamos somente um sentimento de como ela poderia se desdobrar. Com o passar do tempo se fez necessário o entendimento de como os elementos estavam se dispondo em nossos raciocínios e até que ponto estávamos tendo consciência do que nos influenciava. Com os estudos multidisciplinares subseqüentes nos deparamos com o chef Catalão Ferran Adriá1, o qual realizou um estudo de como as relações aconteciam entre ele e seu comensal. Após analisarmos esse estudo gastronômico tentamos aplicá-lo em nossa prática. Porém em um primeiro momento esse esboço esquemático que traçamos se manifestou muito rígido, aquém do que realmente estava acontecendo conosco. Nesse momento estávamos discutindo constantemente a teoria dos Rizomas* proposta por Gilles Deleuze e Félix Guattari2, a qual nos parecia mais completa e horizontal, mais verdadeira em relação a nossas percepções e nosso entendimento.

Assim, através desses e de outros questionamentos chegamos a um diagrama esquemático de como entendemos nossa prática hoje. Esse diagrama está em constante modificação devido a facilidade midiática de como a totalidade sofre constante mutação.O fato de estudarmos outras disciplinas implica para nós um melhor entendimento da arquitetura e não a exoneração do estudo de sua teoria.

1 ADRIÁ, Ferran; SOLER, Juli; ADRIÁ, Albert. ElBullli 2003-2004. Barcelona: Impressiones Generales S.A.,2005.

2 DELEUZE, Gilles e Guattari, Félix. Mil platôs, vol. I. Rio de Janeiro: Ed. 34, 1995.